Treinamentos

Home / Treinamentos

Público Alvo

Destina-se a todas as instituições/empresas que pretendam enquadrar-se nas normas da RT – 14 para obtenção e/ou renovação do alvará. Através da criação de uma Brigada de Incêndio na empresa, isto é, trata-se de um grupo organizado de pessoas preferencialmente voluntárias ou indicadas, treinadas e capacitadas para atuar na prevenção e no combate ao princípio de incêndio, abandono de área e primeiros socorros, dentro de uma área pré-estabelecida. Nesse caso o Curso TPCI RT – 14 (Treinamento de Prevenção e Combate à Incêndios) é o que capacita o trabalhador (aluno) a atender rapidamente e com técnica, os princípios de incêndios de forma a extingui-los ou mesmo diminuir sua propagação e danos até a chegada do socorro especializado.

Conteúdo programático do curso:

Prevenção e Combate a Incêndio

Teoria do Fogo;

Propagação do Fogo;

Classes de Incêndio;

Métodos de Extinção;

Agentes Extintores;

Equipamentos de Combate a Incêndio;

Equipamentos de Detecção, Alarme e Comunicação.

Primeiros Socorros

Parada cárdio-respiratória: Procedimentos de RCP – Reanimação Cárdio-Pulmonar;

Obstrução das Vias aéreas por Corpos Estranhos: Procedimentos de desobstrução.

Prática

Combate a Incêndio;

RCP – Reanimação Cárdio-Pulmonar;

Desobstrução das vias aéreas.

Certificado

Para obter aproveitamento e receber o Certificado do Treinamento de Prevenção e Combate a Incêndio, além de possuir 100% (cem por cento) de frequência, o aluno deverá ser considerado apto, tendo como critérios de observação a participação e a correta execução dos procedimentos durante  as aulas teóricas e práticas.

Público Alvo

todas a empresas privadas, publicas, sociedades de economia mista, órgão da administração direta e indireta, instituições beneficentes, associações recreativas bem como outras instituições que admitam trabalhadores como empregados.

 Conteúdo programático do curso:

CURSO COM DURAÇÃO DE 20 HORAS AULAS.

1- Estudo do ambiente, das condições de trabalho, bem como dos riscos originados do processo produtivo.

2- Metodologia a investigação e análise de acidentes e doença ocupacionais.

3- Noções sobre acidentes e doenças do trabalho decorrentes de exposição aos riscos existentes na empresa.

4- Noções sobre a Síndrome da Imunodeficiência Adquirida – AIDS, e medidas de prevenção.

5- Noções sobre legislação trabalhista e previdenciária relativa á segurança e saúde no trabalho.

6- Princípios gerais de higiene do trabalho e de medidas de controle dos riscos;

7- Organização da CIPA e suas atribuições;

8- Princípios de combate a Incêndio;

10 – Noções básicas de primeiros socorros.

 Certificado

Para obter aproveitamento e receber o Certificado do Treinamento, além de possuir 100% (cem por cento) de frequência, o aluno deverá ser considerado apto, tendo como critérios de observação a participação e a correta execução dos procedimentos durante  as aulas teóricas e práticas.

OBJETIVOS

 O objetivo do Curso de NR-06 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL – EPI, é atender as exigências do novo texto da Norma Regulamentadora nº 06 – Equipamento de Proteção Individual – EPI. Conforme a NR-06 Para os fins de aplicação desta Norma Regulamentadora – NR, considera-se Equipamento de Proteção Individual – EPI, todo dispositivo ou produto, de uso individual utilizado pelo trabalhador, destinado à proteção de riscos suscetíveis de ameaçar a segurança e a saúde no trabalho. Desta forma o Curso da NR06 Equipamento de Proteção Individual – EPI é destinado à proteção de riscos suscetíveis de ameaçar a segurança e a saúde no trabalho. Deve ser realizada capacitação de todos os empregados periodicamente sempre que se tornar necessário. Nosso Curso da NR-06 EPI é elaborado e validado conforme exigências do Ministério do Trabalho e Emprego e Secretaria de Estado da Educação e do Desporto.

 Público Alvo

 todas a empresas privadas, publicas, sociedades de economia mista, órgão da administração direta e indireta, instituições beneficentes, associações recreativas bem como outras instituições que admitam trabalhadores como empregados

CURSO COM DURAÇÃO DE 04 HORAS AULAS.

 Conteúdo programático do curso:

 Conteúdo programático do Curso NR 6 – Equipamentos de Proteção Individual EPI:

 Introdução

  • O que é o Equipamento de Proteção Individual?
  • Responsabilidades do Empregador
  • Responsabilidades do Trabalhador
  • Responsabilidades dos Fabricantes e Importadores
  • Da Competência do Ministério do Trabalho e Emprego/TEM
  • Riscos por não usar os EPI´s
  • Ficha de Controle do EPI.

A – EPI Para Proteção da Cabeça

B – EPI Para Proteção dos Olhos e Face

C – EPI Para Proteção Auditiva

E – EPI Para Proteção Respiratória

F – EPI Para Proteção de Tronco

G – EPI Para Proteção dos Membros Superiores

H – EPI Para Proteção dos Membros Inferiores

I– EPI Para Proteção do Corpo Inteiro

J– EPI Para Proteção Contra Quedas Com Diferença de Nível

 Certificado

Para obter aproveitamento e receber o Certificado do Treinamento, além de possuir 100% (cem por cento) de frequência, o aluno deverá ser considerado apto, tendo como critérios de observação a participação e a correta execução dos procedimentos durante as aulas teóricas e práticas.

OBJETIVOS

 O Curso de Primeiros Socorros visa transmitir o conhecimento, para ser aplicado em casos de necessidade. Serão abordadas as principais técnicas a serem adotadas no momento do atendimento à vítima de algum tipo de acidente. Cada vez se investe mais na prevenção e no atendimento às vítimas. Porém, por mais que se aparelhem hospitais e prontos-socorros, ou se criem os Serviços de Resgate e SAMUs – Serviços de Atendimento Móvel de Urgência – sempre haverá um tempo até a chegada do atendimento profissional. Nesses minutos, muita coisa pode acontecer e as únicas pessoas presentes são as que foram envolvidas no acidente e as que estavam ou passaram pelo local, por isso é muito importante que todos saibam o que deve ser feito e principalmente o que não se deve fazer em caso de algum tipo de acidente.

  Público Alvo

 todas a empresas privadas, publicas, sociedades de economia mista, órgão da administração direta e indireta, instituições beneficentes, associações recreativas bem como outras instituições que admitam trabalhadores como empregados

CURSO COM DURAÇÃO DE 04 OU MAIS HORAS AULAS.

 Conteúdo programático do curso: 

  1. Procedimentos Gerais.
  2. Legislação Sobre o Ato de Prestar Socorro.
  3. Urgências Coletivas.
  4. Caixa de Primeiros Socorros.
  5. Parada Cardiorrespiratória – PCR. 6. Afogamento.
  6. Distúrbios Causados pela Temperatura.
  7. Choques Elétricos.
  8. Estado de Choque.
  9. Intoxicações.
  10. Picadas e Mordidas de Animais.
  11. Ferimentos.
  12. Hemorragia.
  13. Entorses, Luxações e Fraturas.
  14. Vertigens, Desmaios e Convulsões.
  15. Técnicas para Remoção e Transporte.
  16. Corpos Estranhos no Organismo.

 Certificado

Para obter aproveitamento e receber o Certificado do Treinamento, além de possuir 100% (cem por cento) de frequência, o aluno deverá ser considerado apto, tendo como critérios de observação a participação e a correta execução dos procedimentos durante as aulas teóricas e práticas.

 

OBJETIVOS

 Este treinamento visa capacitar os alunos com relação ao contido nos itens na Norma regulamentadora 10, que estabelecem requisitos e condições para a implementação de medidas de controle e sistemas preventivos, de forma a garantir a segurança dos trabalhadores, que direta ou indiretamente, interagem com instalações elétricas e serviços com eletricidade.

 O Curso NR-10 Complementar SEP (Sistema Elétrico de Potência) da Norma Regulamentadora 10 é obrigatório para trabalhadores que são expostos diretamente à Alta Tensão (AT).

 O MTE exige que todos os profissionais que trabalham com eletricidade acima de 1000 (mil) volts sejam treinados nas diretrizes básicas para implantação de medidas de controle e sistemas preventivos de segurança e saúde

 Público Alvo

 odos os profissionais que trabalham em áreas de alta voltagem (1000 volts) que tenham feito o básico de NR-10.

 CURSO COM DURAÇÃO DE 40 HORAS AULAS.

 Conteúdo programático do curso:

 1.Organização do Sistema Elétrico de Potência – SEP.

2.Organização do trabalho:

3.Aspectos comportamentais.

4.Condições impeditivas para serviços.

5.Riscos típicos no SEP e sua prevenção:

6.Técnicas de análise de Risco no SEP

7.Procedimentos de trabalho – análise e discussão.

8.Técnicas de trabalho sob tensão:

9.Equipamentos e ferramentas de trabalho (escolha, uso, conservação, verificação, ensaios).

10.Sistemas de proteção coletiva.

11.Equipamentos de proteção individual.

12.Posturas e vestuários de trabalho.

13.Segurança com veículos e transporte de pessoas, materiais e equipamentos.

14.Sinalização e isolamento de áreas de trabalho.

15.Liberação de instalação para serviço e para operação e uso.

16.Treinamento em técnicas de remoção, atendimento, transporte de acidentados.

17.Acidentes típicos – Análise, discussão, medidas de proteção.

18.Responsabilidades.

 Certificado

Para obter aproveitamento e receber o Certificado do Treinamento, além de possuir 100% (cem por cento) de frequência, o aluno deverá ser considerado apto, tendo como critérios de observação a participação e a correta execução dos procedimentos durante as aulas teóricas e práticas.

 

OBJETIVOS

 Curso Transpaleteira Elétrica NR 11

Curso Transpaleteira Elétrica NR 11 tem o seu objetivo desenvolver a capacidade necessária para a formação de operador de transpaleteira tendo em vista a movimentação interna de cargas, com segurança e eficiência, de forma a evitar acidentes e a preservar as boas condições da máquina. Desenvolver qualidades pessoais, encorajando a prática da segurança de maneira preventiva e garantindo a qualidade do serviço executado.

 A Transpaleteira elétrica é um veículo adequado ao transporte e elevação de cargas, deve ser utilizado, manobrado e mantido em condições de funcionamento, de acordo com as instruções recebidas em treinamento e manual de instruções do fabricante, outro tipo de utilização não corresponde às regras pode provocar lesões em pessoas, danos na máquina ou em bens materiais.

Sobretudo, deve evitar sobrecarga, cargas excessivamente pesadas ou colocadas parcialmente. A carga máxima suportada é indicada na placa indicadora de tipo, afixada no veículo. O veículo não pode ser utilizado em áreas de perigo de incêndio ou explosão, áreas corrosivas e/ou muito empoeirados.

Público Alvo

 CURSO COM DURAÇÃO DE 16 HORAS AULAS.

 Conteúdo Programático:

 Curso Operador Transpaleteira Elétrica NR 11

 Utilização conforme as prescrições e descrição do veículo;

Definição do uso;

Unidades funcionais;

Elementos técnicos;

Condições de utilização;

Locais de indicações e chapas de características;

Capacidade de carga e elevação dos braços de roda;

Transporte e primeiro uso;

Bateria: Manutenção, Recarga, Mudança;

Tipos de baterias, Acesso à bateria, carregar bateria;

Instrumento combinado;

Prescrições de segurança na utilização e manutenção do veículo industrial;

Descrição dos elementos de controlo e indicação;

Iniciar o uso do veículo;

Regras de segurança para o funcionamento em marcha: Conduzir, dirigir, travar;

Posicionamento e remoção de unidades de carga;

Estacionar o transportador seguramente fixado;

Assistência no caso de falhas;

Segurança no trabalho e proteção do ambiente;

Regras de segurança para a manutenção;

Manutenção e inspeção;

Checklist (Lista de verificação) para a manutenção;

Plano de lubrificação;

Produtos consumíveis;

Informação para a manutenção;

Preparar veículo para os trabalhos de manutenção e conservação;

Abrir cobertura e tampa frontal da bateria;

Controlar nível de óleo;

Verificações de segurança periódicas;

Descrição dos elementos de controle e indicação;

Normas Regulamentadoras / Acidentes;

Equipamentos de proteção (EPC – Equipamento Proteção Coletiva e EPI Equipamento Proteção Individual);

NR 11 – Transporte, Movimentação, Armazenagem e Manuseio de Materiais;

Manobras diversas;

Responsabilidades do operador, conforme CBO (Classificação Brasileira de Ocupações) M.T.E;

Tipos de Transpaleteira;

Prevenção de Acidentes

Checklist – Inspeção diária da Transpaleteira Tabela de observação diária Identificação dos instrumentos do painel e componentes;

 Certificado

Para obter aproveitamento e receber o Certificado do Treinamento, além de possuir 100% (cem por cento) de frequência, o aluno deverá ser considerado apto, tendo como critérios de observação a participação e a correta execução dos procedimentos durante as aulas teóricas e práticas.

 

OBJETIVOS

Realizar de forma segura a operação, manutenção, inspeção e demais intervenções em máquinas e equipamentos, de acordo com o disposto na NR 12.

Com este curso você vai conhecer e aplicar as medidas de controle estabelecidas na NR 12, para o cumprimento das condições mínimas exigíveis garantindo a segurança e integridade física dos operadores de máquinas e equipamentos, em suas diversas etapas, incluindo projeto e utilização sem prejuízo da observância do disposto nas demais Normas Regulamentadoras.

PÚBLICO ALVO:

 Os trabalhadores envolvidos na operação, manutenção, inspeção e demais intervenções em máquinas e equipamentos.

CURSO COM DURAÇÃO DE 16 HORAS AULAS.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

Segurança no Trabalho em Máquinas e Equipamentos

– Descrição e identificação dos riscos associados com cada máquina e equipamento e as proteções específicas contra cada um deles;

– Funcionamento das proteções; como e por que devem ser usadas; como e em que circunstâncias uma proteção pode ser removida, e por quem, sendo na maioria dos casos, somente o pessoal de inspeção ou manutenção;

– O que fazer, por exemplo, contatar o supervisor, se uma proteção foi danificada ou se perdeu sua função, deixando de garantir uma segurança adequada;

– Os princípios de segurança na utilização da máquina ou equipamento;

– Segurança para riscos mecânicos, elétricos e outros relevantes;

– Método de trabalho seguro;

– Permissão de trabalho;

– Sistema de bloqueio de funcionamento da máquina e equipamento durante operações de inspeção, limpeza, lubrificação e manutenção.

PRÉ-REQUISITOS:

Pré-requisitos obrigatórios:

Mais de 14 anos.

Pré requisitos recomendáveis:

18 anos completos, salvo na condição de aprendiz.

 CERTIFICADO

Para obter aproveitamento e receber o Certificado do Treinamento, além de possuir 100% (cem por cento) de frequência, o aluno deverá ser considerado apto, tendo como critérios de observação a participação e a correta execução dos procedimentos durante as aulas teóricas e práticas.

OBJETIVOS

 O objetivo deste treinamento é para o trabalhador da construção civil, em cuja atividade profissional ocorre o maior número de acidentes, em todo o Brasil, o que ocasiona perdas significativas às Empresas e à Previdência.

Tem como objetivo específico levar a seu conhecimento algumas regras e procedimentos de segurança, constantes na NR 18, Norma Regulamentadora específica para a construção civil, na certeza de que sempre adotados, estarão contribuindo para a redução de acidentes e perdas impossíveis de serem recuperadas, como a vida de um ser humano: pai, filho, irmão, esposo

A NR-18 é certamente a norma regulamentadora mais completa, nela está contida diversas outras normas de segurança, tais como NR-5, NR-6, NR-9, NR-12, NR-26, NR-33, NR-35 entre outras.

A abrangência desta norma faz com que o setor da construção apresente características variadas e consequentemente o risco de acidentes aumenta.

Devido a isso é importante treinar constantemente os trabalhadores priorizando sempre pela segurança em suas atividades.

Todos os empregados devem receber treinamentos admissional e periódico, visando a garantir a execução de suas atividades com segurança.

O treinamento admissional deve ter carga horária mínima de 6 (seis) horas, ser ministrado dentro do horário de trabalho, antes de o trabalhador iniciar suas atividades, constando de:

OUTROS TREINAMENTOS E CARGAS HORÁRIAS CONFORME NR-18

 ANÁLISE DE RISCOS – 2 HORAS;

OPERADOR DE BATE ESTACA – CARGA HORÁRIA NÃO ESPECÍFICA;

ALVENARIA, REVESTIMENTOS E ACABAMENTOS – 4 HORAS;

ADMISSIONAL – 6 HORAS;

MOVIMENTAÇÃO E TRANSPORTE DE MATERIAIS E PESSOAS – 16 HORAS;

BÁSICO DE RESGATE – 16 HORAS;

OPERADOR DE GRUA – 40 HORAS;

MONTAGEM DE ANDAIME -CARGA HORÁRIA NÃO ESPECÍFICA;

SINALEIRO/AMARRADOR DE CARGAS – 16 HORAS.

 PÚBLICO ALVO:

Os trabalhadores envolvidos na operação, manutenção, inspeção e demais intervenções no setor da construção.

CURSO COM DURAÇÃO DE 6 HORAS AULAS.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

 Informações sobre as condições e meio ambiente de trabalho;

Riscos inerentes a sua função;

Uso adequado dos Equipamentos de Proteção Individual – EPI;

Informações sobre os Equipamentos de Proteção Coletiva – EPC, existentes no canteiro de obra.

O treinamento periódico deve ser ministrado:  sempre que se tornar necessário e ao início de cada fase da obra.

Nos treinamentos, os trabalhadores devem receber cópias dos procedimentos e operações a serem realizadas com segurança.

 CERTIFICADO

Para obter aproveitamento e receber o Certificado do Treinamento, além de possuir 100% (cem por cento) de frequência, o aluno deverá ser considerado apto, tendo como critérios de observação a participação e a correta execução dos procedimentos durante as aulas teóricas e práticas.

 

OBJETIVOS

Capacitamos profissionais realizando o treinamento NR-20 (Norma regulamentadora Nº20) para trabalhos em áreas de riscos, resultantes das atividades de extração, produção, armazenamento, transferência, manuseio e manipulação de inflamáveis, líquidos combustíveis e gás de petróleo liquefeito. Durante o treinamento NR-20 realizado pela nossa empresa, é oferecido aos trabalhadores identificação e sinalização de todos os equipamentos e instalações afim de proporcionar a segurança adequada ao trabalhador, além de documentar, implementar, divulgar e manter atualizados procedimentos operacionais de segurança e saúde no trabalho, de acordo com as especificações do projeto.

Tem como objetivo específico levar a seu conhecimento algumas regras e procedimentos de segurança, constantes na NR 20, Norma Regulamentadora específica para a Segurança e Saúde no Trabalho com Inflamáveis, na certeza de que sempre adotados os procedimentos, estarão contribuindo para a redução de perdas impossíveis de serem recuperadas, como a vida de um ser humano: pai, filho, irmão, esposo.

A NR20 traz como definições básicas os seguintes itens:

Líquidos inflamáveis são classificados como líquidos que apresentam ponto de fulgor igual ou menor que 60ºC;

Gases inflamáveis são aqueles que inflamam com o ar a 20ºC e mediante uma pressão padronizada de 101,3 kPa;

Líquidos combustíveis consistem naqueles líquidos que apresentam ponto de fulgor maior que 60ºC e igual ou menor a 93ºC.

 PÚBLICO ALVO:

Treinamento destinado a todos os funcionários de empresas que trabalham com inflamáveis e combustíveis. A NR-20 deverá ser solicitada pelo proprietário da empresa.

CURSO COM DURAÇÃO DE 04 HORAS AULAS.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

Inflamáveis: características, propriedades, perigos e riscos;

Controles coletivos e individuais para trabalhos com inflamáveis;

Fontes de ignição e seu controle;

Procedimentos básicos em situações de emergência com inflamáveis.

CERTIFICADO

Para obter aproveitamento e receber o Certificado do Treinamento, além de possuir 100% (cem por cento) de frequência, o aluno deverá ser considerado apto, tendo como critérios de observação a participação e a correta execução dos procedimentos durante as aulas teóricas e práticas.

OBJETIVOS

Capacitar os profissionais a identificar, planejar e autorizar a liberação de espaços confinados a fim de avaliar, monitorar e controlar os riscos existentes, de forma a garantir a segurança e saúde das pessoas que atuam direta e indiretamente nesses espaços de acordo com a NBR 14787 que estabelece os requisitos mínimos para proteção dos trabalhadores e do local de trabalho contra os riscos de entrada em espaços confinados.

Espaço Confinado é definido pela NR-33 como uma área ou ambiente não projetado para ocupação humana contínua, que possui meios limitados de entrada e saída, cuja ventilação existente é insuficiente para remover contaminantes ou onde pode existir a deficiência ou enriquecimento de oxigênio. Alguns exemplos de espaços confinados são os serviços de gás, esgoto e eletricidade.

Para entrar em um espaço confinado, a empresa deve fornecer uma autorização para Permissão de Entrada e Trabalho – PET. Esta permissão é exigida por lei e é executada pelo supervisor de entrada. O curso é obrigatório para trabalhadores, vigias e supervisores que trabalhem em espaços confinados.

 PÚBLICO ALVO:

Este curso é para trabalhadores e vigias que necessitam trabalhar em espaços confinados.

Carga horária: 16 horas

Em razão dos diferentes especialistas que executam trabalhos em espaços confinados, 6 Cesst Fred também realiza Curso de Espaço Confinado para Supervisores – 40 horas.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

Curso de Espaço Confinado para Trabalhadores e Vigias – 16 horas

O Treinamento de NR-33 para Trabalhadores Autorizados e Vigias é composto de aulas teóricas e práticas:

•Introdução a Norma Reguladora;

•Conceitos Básicos de Entrada em Espaços Confinados;

•Riscos no Espaço Confinado;

•Classificação dos Espaços Confinados;

•Profissionais do Espaço Confinado;

•Permissão de Entrada e Trabalho – PET;

•Responsabilidades;

•Avaliação e Controle dos Riscos;

•EPI – Equipamento de Proteção Individual;

•Funcionamento do Equipamento;

•Resgate em Espaço Confinado;

•Função do Socorrista;

•Noções de Primeiros Socorros;

•Utilização de Equipamento Autônomo de Respiração;

•Aula Prática de Trabalho em Espaço Confinado.

CERTIFICADO

Para obter aproveitamento e receber o Certificado do Treinamento, além de possuir 100% (cem por cento) de frequência, o aluno deverá ser considerado apto, tendo como critérios de observação a participação e a correta execução dos procedimentos durante as aulas teóricas e práticas.

OBJETIVOS

Capacitar trabalhadores de altura (profissionais de acesso por corda), montadores de estruturas, bombeiros civis e militares a utilização de técnicas e manuseio de equipamentos específicos para trabalhos em altura.

O Cesst Fred realiza o Curso de Trabalho em Altura, também conhecido como Treinamento de NR-35, de acordo com a Norma Regulamentadora Nr 35 do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), que se refere à segurança e precauções nos trabalhos em altura.

A NR-35 estabelece os requisitos mínimos e as medidas de proteção e segurança para o trabalho em altura. Isso inclui o planejamento, a organização e a execução de trabalhos em altura, a fim de garantir a segurança e a saúde dos trabalhadores em atividades executadas acima de dois metros de altura, ou em qualquer atividade onde haja risco de queda.

PÚBLICO ALVO:

Trabalhadores em atividades executadas acima de dois metros de altura, profissionais de acesso por corda, montadores de estrutura, bombeiros civis e militares que exercem trabalhos em altura. Este curso serve como treinamento inicial ou como treinamento bienal, quando exigido em certos casos.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

•Normas e Regulamentos aplicáveis ao trabalho em altura;

•Sistemas e procedimentos para trabalho em altura;

•Análise de riscos e condições impeditivas;

•Riscos potenciais inerentes ao trabalho em altura e medidas de prevenção e controle;

•Equipamentos de proteção individual para trabalho em altura: seleção, inspeção, conservação e limitação de uso;

•Acidentes típicos em trabalhos em altura;

•Aprendizado de nós;

•Material suspenso;

•Sistemas, equipamentos e procedimentos de proteção coletiva;

•Instalação e deslocamento de linha de vida;

•Comentários sobre instalação de pontos de fixação;

•Comentários sobre utilização de andaimes;

•Sistemas de ancoragem;

•Utilização de vara de manobra;

•Condutas em situações de emergência, noções de técnicas de resgate e de primeiros socorros;

•Preenchimento da Análise de Risco e Permissão de Trabalho Especial;

•Preenchimento da ficha de avaliação;

•Posicionamentos com o uso do cinto;

•Trabalhos em equipe;

•Condições inseguras;

•Deslocamento em escadas tipo “marinheiro”;

•Técnica de descida em cordas (rapel);

•Técnica de subida em cordas;

•Noções de auto resgate e resgate simples de vítimas.

CERTIFICADO

Para obter aproveitamento e receber o Certificado do Treinamento, além de possuir 100% (cem por cento) de frequência, o aluno deverá ser considerado apto, tendo como critérios de observação a participação e a correta execução dos procedimentos durante as aulas teóricas e práticas.

OBJETIVOS

Capacitar trabalhadores de O curso online NR 36 Segurança do trabalho na indústria de abate e processamento de carnes tem o intuito de compilar informações para que os interessados sobre a temática possam aprimorar seu conhecimento sobre as principais características da área, tais como: segurança do trabalho na indústria de abate e processamento de carnes, levantamento e transporte de produtos e cargas, trabalhador no frigorífico.

PÚBLICO ALVO:

Trabalhadores em atividades executadas acima de dois metros de altura, profissionais de acesso por corda, montadores de estrutura, bombeiros civis e militares que exercem trabalhos em altura. Este curso serve como treinamento inicial ou como treinamento bienal, quando exigido em certos casos.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:

O CONTEÚDO É PERSONALIZADO CONFORME NECESSIDADE DE CADA CONTRATANTE.

Carga horária de 02 horas à 60 horas.

Segurança do trabalho na indústria de abate e processamento de carnes – frigoríficos

Levantamento e transporte de produtos e cargas

O trabalhador no frigorífico

Recepção e descarga de animais

Máquinas

Condições ambientais de trabalho

Equipamentos de proteção individual – epi

Análise ergonômica do trabalho

Proteção respiratória

Proteção auditiva

CERTIFICADO

Para obter aproveitamento e receber o Certificado do Treinamento, além de possuir 100% (cem por cento) de frequência, o aluno deverá ser considerado apto, tendo como critérios de observação a participação e a correta execução dos procedimentos durante as aulas teóricas e práticas.